TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Digital clock - DWR

segunda-feira, 8 de abril de 2013

Seja bem vindo a vida real!



Lamentável,  porem democrático, ultimamente não tenho tido a disponibilidade de tempo para continuar fazendo os acompanhamentos de câmara  in loco como antes, mas surtiu efeito imediato a ultima sessão e não bastando,  o vereador Ricardo Castelfranchi jogou limpo e expôs a população através da rede social Facebook não só suas atitudes como seus pensamentos, acompanhados de uma narrativa de posições de demais vereadores na ultima sessão onde discutia-se a situação dos artesão da Praça Carlos Carpenesin (vizinha  a loja Luis Manoel Couros), que se não me falha a memória era uma das praças mais abandonadas da cidade antes da instalação dos artesão por lá.
 Sr. Vereador a cidade cresceu desordenadamente,  alem de termos passado por um período de 4 anos de trevas dos quais vossa excelência acompanhou como munícipe,  ou seja do lado de cá, devo salientar que nem todos neste município tem a oportunidade de montar um comércio  assim como vossa excelência, as pessoas são totalmente diferentes umas das outras não só fisicamente como intelectualmente também e respeitamos as posições tomadas e assumidas por todos, felizmente temos o voto democrático e a oportunidade de argumentar com os demais que me parecem ter uma visão alem do umbigo em alguns casos, como este.
A Srª Makiko Strass foi extremamente feliz em suas colocações quando não só defendeu a permanência como ainda citou  importantes exemplos. 
O  vereador Sebastião Cesar mais uma vez mostrou o porque foi eleito para o seu 9º mandato, nem sempre concordo com suas posições,  mas neste caso exclusivamente pensou na situação e em sua resolução, atitude política, de um político “eleito para representar os interesses da população ou mesmo de uma categoria de trabalhos”, aliás trabalhos estes já premiados e reconhecidos em importantes exposições, orgulho de Campos do Jordão, não sei se vossa excelência  sabe mas ser artesão não é uma possibilidade de todos, mas apenas dos que tem o dom de transformar matéria prima em belas obras de arte, lamento ainda mais que vossa excelência tão inteligente,  cheio de boas intenções e iniciativas ainda não tenha tido a perspicácia de entender que neste caso ninguém esta querendo se aproveitar de situação nenhuma e sim garantir o sustento digno de suas famílias de maneira honesta em uma cidade que até o momento não gera mais renda muito menos turismo.
Mas como nem tudo são espinho,  quero aqui parabenizá-lo pelos trabalhos realizados tapando os buracos de Capivari, pois isto também é muito importante, só não se esqueça que temos uma buraco consideravel a ser tapado lá na rua Santos Sanches (segue fotos abaixo), tenho certeza  que aquela parte da cidade que não reside em Capivari vai agradecer bem se conseguir tapa-lo e cantar o hino na abertura das sessões é uma boa pedida tendo em vista que o atual prefeito em outra oportunidade em que era candidato nos “pareceu” ter alguma dificuldade em fazê-lo na abertura do debate como tenho em vídeo (a cima), quem sabe acompanhando as sessões agora ele se certifique do conhecimento total da letra ao menos.


Parabéns também a todos aqueles que não tiveram uma visão medíocre da situação e com muita clareza e bom senso perceberam que nosso povo vem sempre em primeiro lugar, pois se o jordanense não tiver condições,  jamais conseguirá ser um bom anfitrião, pois as contas da casa e o sustento dos filhos perturbam a mente dos cidadãos de bem que primam por trabalho digno, honesto e se possível legalizado e devidamente autorizado por aqueles que nós mesmo elegemos para nos representar e que infelizmente nem sempre conseguem.... Nem tudo esta perdido em Campos do Jordão.
A Makiko provou que não precisamos estar ocupando um cargo publico seja la onde for para reivindicar os nossos direitos ou mesmo os direitos alheios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário