TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Digital clock - DWR

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

"Liga da Justiça Popular"















No mês passado nós fizemos uma denúncia ao Ministério Publico de São Paulo e logo na sequencia demos entrada na Promotoria de Campos do Jordão tambem, com denúncia sobre o Setor de Reciclagem da cidade, que nos ultimos meses vem sendo administrado pelo Vereador José Matos da Costa, com conhecimento da Prefeitura Municipal, segundo informação registrada no Blog: www.savisacamposdojordao.Blogspot.com. (denuncia com cópias em anexo)
Nós afirmamos os fatos e fizemos as denúcias com o devido conhecimento de causa e apresentando não só indícios como tambem provas, inclusive admitidas pelas próprias pessoas que hoje encontram-se trabalhando com o vereador. Nós tambem estivemos trabalhando com ele nos ultimos anos, ajudamos na campanha, nas finanças, nos relacionamentos amorosos e no dia-a-dia do infeliz, em fim ele entrou não somente em nossas casas como tambem em nossas vidas sem pedir licença quando achou necessário.
Acreditamos neste indíviduo em todas as suas atuações, por que o mesmo tem mais vocação para ator que para político. Ou talvez não, talvez nós é que estejamos ainda muito inexperientes, ou inocentes demais, achando que a política tem que ser algo certo, honesto em prol da própria população que os elege. Como somos pessoas que tem noção de certo e errado, bom senso e consciência, resolvemos tentar ajudar a por "os pingos nos iiisss"
Pois quando nos lembramos do vereador em campanha parece que não se trata da mesma pessoa.
Começamos a acompanhar por jornais as "lambanças de declarações mentirosas"e como se já não bastasse ter usado o nome, os cheques, cartões de crédito, horas sem socego, noites sem dormir, até mesmo a inteligência entre tantas outras coisas, começamos a ficar cada vez mais indiguinados e começamos a conversar sobre como e onde tudo começou.
Como temos uma postura e nos sentimos na obrigação de dar uma satisfação a todas aquelas pessoas em que estivemos nas casas e pedimos o voto na convicção de que o atual Vereador fosse o melhor entre os demais candidatos, resolvemos começar a passar para o papel tudo que sabiamos, cada um lembrava-se de um fato e aos poucos chegamos a 3(tres) páginas, e quando esta estava pronta começamos a envia-la para jornais locais, pedindo aos mesmos que averiguassem as informações, fato esse que não ocorreu.
Pesquisamos um pouco mais e começamos a encontrar em sites maneiras de se denunciar ao Ministério Publico e a fizemos, sempre com a preocupação de que o Vereador posteriormente viesse a tentar algo contra nós, mesmo porque corre na cidade a fama de "homem perigoso", mas depois de tanto estudar sobre a cidadania, a ética na politica e exercer todas estas funções até mesmo sem perceber, chegamos a conclusão de que não havia cabimento nenhum a denúncia caminhar de maneira anônima. Tendo em vista que tivemos a horrível sensação de que cada tentativa que encaminhavamos a algum, qualquer um, jornal eram em vão, pois os mesmos demonstravam insegurança, medo ou sabe-se la Deus o que.
Mostramos a face, juntamente com CPF, RG, endereço, Mail e telefone e demos entrada na Promotoria de Justiça de Campos do Jordão juntamente com Ministério Publico de São Paulo e Ministério Publico do Trabalho.
Estes seguem com a data de: 23/09/2009, as 15:23h, Protocolo nº 572 e hoje nos encontramos no aguardo ancioso de uma resposta da Promotoria de Justiça de Campos do Jordão e Ministério Publico de São Paulo, mesmo porque o Ministério Publico do Trabalho já tem data marcada para julgamento, vale lembrar que, nós e a maior parte da população.
Pois a cada cidadão que encontramos pelas ruas da cidade o comentário é sempre o mesmo:
-Quando é que vai acontecer a justiça nesta cidade?
Mas nós somos confiantes, porque nunca seria possivel de se tomar alguma atitude se não for feita uma denúncia, pois enquanto ninguem reclama ao MP é porque as coisas estão indo bem, o Promotor não tem como adivinhar tudo que se passa de errado nesta cidade. E nós costumamos acompanhar as decisões judiciais do municipio e graças a Deus até hoje podemos afirmar com conhecimento de causa que Campos do Jordão é um Municipio que tem Juizes, Promotores e Delegados de extrema competência. Esta cidade tem lei!
E tambem tem cidadãos responsaveis por seus atos e conhecedores de suas responsabilidades, pois acredito eu que fazer denúncias como esta e fiscalizar administrações publicas nada mais é que uma obrigação de todos os cidadãos.
Segue com acompanhamento de fotos da Reciclagem em questão .

Um comentário: